CATEGORIAS

Como montar a lancheira perfeita para o seu filho

|

Cuidar da alimentação das crianças na fase escolar é um desafio. Na realidade, tudo o que envolve esse tema é uma preocupação constante de pais e cuidadores, pois cada dia é uma novidade e o que até ontem era a comida favorita, amanhã provoca ânsia nos pequenos. E nesse jogo de erra e acerta, saber como montar a lancheira perfeita para o seu filho pode deixar muitos pais de cabelo em pé.

como-montar-lancheira-para-seu-filho-destaque

Um dos modelos mais bacanas são os térmicos, que conservam e acondicionam melhor os alimentos. E na rotina, é importante que os três grupos alimentares estejam presentes na hora da preparação dos lanches: construtores (que englobam as proteínas e estão presentes nos queijos, iogurtes, leite e carnes), reguladores (frutas, legumes e verduras) e os energéticos (que são os carboidratos e estão presentes em pães, biscoitos e bolos).

Outro ponto bem importante é que a boa alimentação vem de casa. De nada adianta querer montar uma lancheira para as crianças com frutas e legumes, se em casa ela só come embutidos e produtos super processados.

Dicas para montar a lancheira escolar

Para beber: o ideal é mandar sucos naturais e que não tenham conservantes e açúcar. Para isso, escolha frutas que tenham baixa oxidação, como goiaba, acerola, abacaxi e maracujá. Caso seja muito complicado fazer seu próprio suco, há opções viáveis como polpa de frutas, o suco de uva integral e a água de coco pasteurizada. Fique atento somente quanto a ausência de conservantes, açúcar e outros químicos que tornam o produto prejudicial para o seu filho.

Para comer: diferente do que se pensa, o céu é o limite para o preparo do lanche das crianças, pois há uma variedade de alimentos que podem rotacionar durante a semana para serem levados para a escola. Observe, por exemplo, as frutas que estão voltando para casa intocadas. Muitas vezes esse é um sinal de que seu filho enjoou da banana ou maçã de sempre e está na hora de investir em outras opções. Uva, morango, manga, melão e melancia picados são outras possibilidades viáveis para colocar na lancheira. E nada de embutidos; esses alimentos apresentam conservantes, corantes e uma alta quantidade de sódio que, além de acostumar a criança com o excesso de sal, podem resultar em problemas mais graves.

De acordo com a engenheira de alimentos e consultora de alimentação infantil, Mayra Abbondanza, em entrevista à revista Crescer, decidir as quantidades envolvem fatores como idade, peso e a fome de cada criança. Além disso, os pais precisam estar atentos às atividades que ela irá realizar ao longo do dia para saber como montar a lancheira perfeita para o seu filho. Sendo assim, a regra é basicamente essa: a criança determina a quantidade e os pais a qualidade.

Para tornar o momento do lanche muito mais saudável e divertido, a Cavezzale possui diversos modelos de lancheiras infantis para o seu filho se divertir descobrindo novos sabores e o melhor, desenvolver o hábito de ingerir mais alimentos saudáveis do que industrializados. Confira nossos modelos e comece a volta às aulas com o pé direito.

POSTS RELACIONADOS

  • Amigo secreto

    5 Dicas de presente para o Amigo Secreto

    leia mais
  • Milão

    Milão: locais imperdíveis e informações úteis para viajantes!

    leia mais
  • viagem e saúde mental

    Viagem e Saúde Mental: como viajar pode ajudar seu cérebro?

    leia mais